Press Release | Gütersloh, 30/04/2020

Bertelsmann reporta declínio moderado de receita no primeiro trimestre de 2020

  • Portfólio amplo de negócios e empresas digitais atenuam os efeitos da crise do coronavírus
  • As receitas caem 2,7%, para € 4,1 bilhões
  • Empresas em crescimento alcançam aumento de receita de 2,8%
  • Serviços de TV e streaming expandem seu alcance
  • Solidez financeira e reservas de liquidez
  • Previsão econômica não é possível dada a situação atual

A Bertelsmann apresentou um desempenho comercial satisfatório no primeiro trimestre de 2020, embora cada vez mais impactada desde meados de março pelo impacto econômico da pandemia do coronavírus. As receitas da empresa internacional de mídia, serviços e educação caíram moderadamente em 2,7%, atingindo € 4,1 bilhões nos primeiros três meses do ano. Enquanto os negócios financiados por publicidade foram visivelmente afetados pela situação do coronavírus, a BMG, os negócios em serviços da Arvato e os de educação se saíram bem. Organicamente, as receitas do Grupo caíram ligeiramente em 2,1%. Os negócios de crescimento da Bertelsmann registraram um aumento de 2,8% na receita. Sua participação nas receitas totais do Grupo permaneceu inalterada em 36%.

"O ano 2020, com as consequências econômicas da pandemia de coronavírus, será um desafio. Começamos bem, mas estamos sentindo um impacto crescente em nossos negócios desde março”, disse Thomas Rabe, presidente e CEO da Bertelsmann. "Desde o começo do ano, tomamos diversas medidas para proteger a saúde de nossos colaboradores e negócios. O amplo portfólio da Bertelsmann teve um efeito positivo, assim como a alta proporção em negócios digitais que, no ano fiscal e pela primeira vez, representaram mais de 50% de nossa receita total. Em crises como essas, nossos negócios de mídia, em particular, são de alta relevância social e parte integrante da sociedade. Informamos e entretemos milhões de pessoas todos os dias", completou.

"Existem inúmeros exemplos de nossa contribuição à sociedade para enfrentar a pandemia do coronavírus: as empresas do Bertelsmann Content Alliance, na Alemanha, estão apoiando a luta contra a disseminação do vírus sob o título 'Juntos contra o coronavírus'; a Penguin Random House, nos EUA, ajuda doando livros diretamente para grupos de leitores carentes afetados pelo isolamento e apoiando livrarias por meio de campanhas de crowdfunding e incentivo à leitura. A Arvato Supply Chain Solutions permite a entrega rápida de suprimentos médicos em toda a Europa; e a empresa de educação  Udacity está oferecendo programas gratuitos de Nanodegree”.

Destaques das divisões

O RTL Group registrou ações de mercado mais altas na Alemanha, França e Holanda. A cobertura abrangente de notícias garantiu classificações recordes e alto alcance. O número de assinantes pagantes dos serviços de streaming, como TV Now e Videoland, aumentou 34%, para 1,53 milhão.

A Penguin Random House viu um aumento na demanda por livros infantis e infanto-juvenil, além de crescimento em março nas vendas online. Em 1º de abril, a Bertelsmann concluiu a aquisição da participação remanescente de 25% de sua co-acionista Pearson, após receber todas as aprovações antitruste necessárias. Portanto, a maior editora de livros comerciais do mundo agora é uma subsidiária integral da Bertelsmann.

Gruner + Jahr registrou vendas aumento nas bancas e em novas assinaturas para suas revistas. Inúmeras marcas da G+J lançaram novos produtos e iniciativas, incluindo a campanha #stayathomeandcook de " Essen & Trinken " e "Chefkoch", e os podcasts "Geolino-Spezial - wir gegen Corona" (Geolino Special –  US vs. Corona) e "Die Stunde Null - Deutschlands Weg aus der Krise" (Zero Hour - Germany’s Way Out Of The Crisis) com o editor-chefe da "Capital", Horst von Buttlar.

A BMG assinou acordos globais de gravação com artistas internacionais, incluindo Jason Mraz e Aloe Blacc, e de publicação com Erika Ender e Patricia Kelly. Além disso, artistas e compositores da BMG, como Tame Impala, Francesco Gabbani, Huey Lewis e The News e The Shires, comemoraram sucessos significativos nas paradas durante o período.

A Arvato alcançou um desenvolvimento positivo em todas as linhas de negócios no primeiro trimestre e investiu na expansão e automação de suas operações. A Arvato Financial Solutions se beneficiou do crescimento contínuo de sua solução purchase-on-account para um grande parceiro.

O Bertelsmann Printing Group renovou vários contratos de impressão com a Verlagsgruppe Random House e outros parceiros, além de conquistar um novo cliente importante na impressão de folhetos.

O Bertelsmann Education Group viu uma demanda crescente por serviços de aprendizado online na Relias e na Udacity.

Em 31 de março, o Bertelsmann Investments detinha aproximadamente 240 investimentos em empresas e fundos, principalmente por meio de seus quatro fundos internacionais. Em fevereiro, o Bertelsmann Brasil Investments se beneficiou com a saída parcial bem-sucedida de um investimento indireto no provedor de ensino brasileiro Afya.

"Desde o início, adotamos uma série de medidas para garantir e aumentar a liquidez da companhia. Entre outras coisas, colocamos com sucesso um eurobond de € 750 milhões com um prazo de oito anos. Também aumentamos consideravelmente nossos ativos líquidos com medidas adicionais de curto prazo. Vamos substituí-los por financiamento de longo prazo no momento apropriado e conforme necessário, otimizando ainda mais os custos de financiamento e o perfil de vencimento da Bertelsmann", disse Bernd Hirsch, diretor financeiro da Bertelsmann. “No contexto da crise do novo coronavírus, a previsão para o exercício financeiro de 2020 publicada no Relatório Anual de 2019 não pode ser mantida. Também não é possível uma avaliação confiável do desenvolvimento futuro dos negócios para 2020. Tomamos inúmeras contramedidas na área de custos e investimentos, mas esperamos ver efeitos negativos em nossos ganhos nos próximos meses”, acrescentou.

Sobre a Bertelsmann

A Bertelsmann é uma empresa de mídia, serviços e educação que atua em cerca de 50 países no mundo todo. O conglomerado empresarial compreende o grupo televisivo RTL Group, o grupo de editoras de livros Penguin Random House, a editora de revistas Gruner + Jahr, a empresa de música BMG, a prestadora de serviços Arvato, o Bertelsmann Printing Group, o Bertelsmann Education Group e a rede internacional de fundos Bertelsmann Investments. Com 126 mil funcionários, a empresa registrou no exercício de 2019 um faturamento de 18 bilhões de euros. A Bertelsmann é sinônimo de espírito empreendedor e criatividade. Tal combinação viabiliza conteúdos de mídia da mais alta qualidade e soluções inovadoras em serviços que fascinam clientes em todo o mundo. A Bertelsmann tem como objetivo atingir a neutralidade climática até 2030