Press Release | Gütersloh, 24/03/2020

Bertelsmann aumenta receita e atinge melhor resultado operacional em 2019

  • Grupo está bem preparado para o coronavírus
  • Receita ultrapassa € 18 bilhões
  • Plataformas de crescimento tiveram um aumento orgânico de 7%
  • Negócios digitais contribuíram para mais de 50% da receita do Grupo pela primeira vez
  • EBITDA operacional atingiu novo recorde histórico de € 2,9 bilhões
  • Lucro de mais de € 1 bilhão pelo quinto ano consecutivo
  • Conquista importante: aquisição total da Penguin Random House
  • Média de 230 investimentos em companhias digitais e startups 
  • Internacionalização do Bertelsmann Content Alliance

A Bertelsmann teve um ano financeiro de sucesso em 2019 com um aumento nas receitas, o EBTIDA operacional bateu recorde e o lucro do Grupo passando mais uma vez de € 1 bilhão. Dado o desempenho comercial positivo, a empresa internacional de mídia, serviços e educação está bem preparada para emergir de forma segura da crise atual causada pela propagação do novo coronavirus. A Bertelsmann fez vários avanços estratégicos em 2019. Em dezembro, por exemplo, o Grupo anunciou a aquisição total da editora Penguin Random House. A companhia de CRM Majorel assumiu suas operações e, na Alemanha, o Bertelsmann Content Alliance, que agrupa os negócios de conteúdo das subsidiarias alemãs da empresa, iniciou suas operações com sucesso.

Thomas Rabe, presidente e CEO da Bertelsmann enfatizou: “Tomamos diversas medidas para proteger a saúde e bem-estar dos nossos colaboradores durante a crise de coronavírus. A Bertelsmann está bem preparada financeiramente. Estamos lucrando, temos alta liquidez e um confortável índice de patrimônio, além de que os investimentos continuam inalterados. A ampla configuração de nossos negócios nos torna menos suscetíveis para flutuações econômicas e nos permite continuar investindo em nosso futuro sem comprometer o cerne de nossos negócios.”

“Nesta situação extraordinária, todos os meios de comunicação têm uma relevância social e sistêmica. Na Alemanha, somos parte de uma infraestrutura importante que precisa ser mantida e apoiada, especialmente agora. Fornecemos informação confiável e entretenimento para milhões de pessoas que agora enfrentam uma mudança sem precedentes em suas vidas pessoais e profissionais, junto do aumento da pandemia de coronavírus”, continuou Rabe.

As receitas do Grupo em 2019 aumentaram pera € 18 bilhões (ano anterior: € 17.7 bilhões). Além da Penguin Random House, as plataformas de crescimento estratégico contribuíram para esse aumento. Quase todas as unidades de negócios registraram recorde de crescimento orgânico. Os negócios de alto crescimento também registraram aumento significativo. O crescimento orgânico aumentou para 7% e sua participação nas receitas do Grupo aumentaram para 36%. Em 51%, a participação dos negócios digitais nas receitas excedeu, pela primeira vez, a meta de 50% em 2019.

O EBTIDA operacional atingiu um novo recorde histórico de € 2.9 bilhões (ano anterior: € 2.6 bilhões). Os principais agentes foram a subsidiaria de serviços Arvato e o Bertelsmann Education Group, cada um com um aumento significativo em seus ganhos. A primeira aplicação do novo modelo de relatório financeiro IFRS 16 também teve um efeito positivo. Mas, mesmo sem o esse efeito, o EBTIDA operacional atingiu um nível recorde e ultrapassou as expectativas do ano anterior.

O lucro do Grupo de € 1,1 bilhão (ano anterior: € 1,1 bilhão) ultrapassou a marca de bilhões pelo quinto ano consecutivo para a empresa. Além das boas performances operacionais das divisões individuais, isso também ocorreu devido ao menor custo para itens especiais. As atividades de fundos reunidos na divisão Bertelsmann Investments mais uma vez contribuíram de maneira relevante para os resultados.

 “O bom desempenho comercial foi impulsionado por várias medidas bem-sucedidas. Por exemplo, o RTL Group expandiu ainda mais seus serviços de streaming. O objetivo é atingir de cinco a sete milhões de assinantes em 2025. A aquisição completa da Penguin Random House fortaleceu o nosso principal negócio de longo prazo. Iremos continuar expandindo os negócios da Penguin Random House pelos próximos anos, com mais aquisições em vista. A excelente performance operacional da Arvato seguiu o sucesso do ano fiscal passado, especialmente devido à expansão das atividades de e-commerce de nossos serviços de logística. A recém-criada companhia de CRM, Majorel, teve um primeiro ano gratificante. O Bertelsmann Education Group também se desenvolveu de forma positiva, dobrando seus ganhos. Estamos nos beneficiando da alta demanda contínua de serviços educacionais digitais”, disse Thomas Rabe

A contribuição para as receitas de empresas de alto crescimento atingiu 36% no ano passado (em 2011: 20%. Nos próximos anos, espera-se um aumento de 40%. Por outro lado, a parcela das receitas representadas pelos negócios em declínio estrutural caiu de 16% para cerca de 3% desde 2011.

No ano passado, a parcela da receita gerada pelas atividades digitais do Grupo aumentou para 51% pela primeira vez (em 2011: 30%). A Bertelsmann, portanto, gera mais de metade de sua receita total de forma digital; e sua meta de 50% foi alcançada.

A participação na receita gerada fora da Europa no último ano foi de 30% (em 2011: 20%). Além da China, Índia e Brasil, o foco principal de expansão regional da Bertelsmann é nos Estados Unidos, o maior mercado de mídia do mundo e o segundo maior para a Bertelsmann. No futuro, a Bertelsmann está considerando aumentar investimentos em países da América Latina, África e Ásia.

Em 2019, a Bertelsmann mais uma vez progrediu em suas quatro prioridades estratégicas: fortalecimento dos negócios principais; transformação digital; expansão de suas plataformas de crescimento e expansão r para regiões emergentes.

Tanto a expansão orgânica quanto as aquisições estratégicas contribuíram para o fortalecimento dos negócios do Grupo. O RTL Group expandiu sua programação na França, adquirindo o canal infantil de TV aberta Gulli e cinco canais de TV a cabo do Lagardère. Um novo canal linear foi lançado na Alemanha, o VOXup, que oferece uma diversidade de formatos Vox, lançamentos gratuitos de programas de TV e novas produções originais. Com a aquisição total da Penguin Random House, a Bertelsmann irá se tornar a única acionista da maior editora de livros do mundo. Em 2019, a Penguin Random House também aumentou a sua participação no negócio editorial, com crescimento orgânico e por meio de aquisições que incluem a editora de livros infantis britânica Little Tiger Group. O Gruner + Jahr expandiu seu portfólio de revistas de celebridades com a parceria entre “Brigitte” e a autora de best-sellers e psicoterapeuta Stefanie Stahl. Os negócios globais de impressão do Bertelsmann Printing Group foram reorganizados em uma estrutura de divisão cruzada O estabelecimento e expansão intensificados de colaborações e alianças, como o Bertelsmann Content Alliance com os negócios de conteúdo e a Ad Alliance nas vendas de anúncios, também contribuíram para o fortalecimento do núcleo.

A transformação digital progrediu à medida que os negócios digitais foram expandindo cada vez mais. O RTL Group relatou não apenas um aumento de assinantes nos seus serviços de streaming, mas também no tempo de visualização nas plataformas TV Now, na Alemanha, e Videoland, na Holanda. Na França, a companhia do RTL Group, Groupe M6, está desenvolvendo uma plataforma para Salto – o serviço de streaming que opera com a TF1 e France Télévisions, com previsão de lançamento para 2020. O Gruner + Jahr inaugurou a “Stern Crime Plus”, seu primeiro modelo de assinatura para o jornalismo digital. O Bertelsmann Content Alliance iniciou o Audio Alliance para aumentar suas ofertas de áudio e começou a produzir e distribuir novos podcasts na sua plataforma Audio Now.

As plataformas de crescimento do Grupo expandiram e registraram crescimento orgânico em geral. A Fremantle continuou a expansão de suas produções de drama com o lançamento da segunda temporada de “American Gods”; e teve sucesso com formatos como a segunda temporada da produção da UFA “Charité”, na Alemanha. A BMG relatou lançamentos de sucesso de artistas como Kylie Minogue e Lewis Capaldi. Novos contratos e renovações foram assinados por Richard Marx, Mick Jagger e Keith Richards do Rolling Stones, entre outros. A Arvato Supply Chain Solutions conquistou muitos novos clientes e expandiu sua rede de logística internacional. A Arvato Financial Solutions cresceu principalmente ao expandir as soluções de pagamento após entrega. A Arvato Systems expandiu seu portfólio de soluções de IP. No segmento de educação online, a Relias integrou-se à divisão de planos de saúde da OnCourde Learning, companhia adquirida no ano passando. A Bertelsmann anunciou que fornecerá por volta de 50 mil bolsas escolares nos próximos três anos para cursos sobre a Cloud, dados e Inteligência Artificial na universidade online dos EUA Udacity como parte da sua campanha educacional #50000Chances.

A Bertelsmann continuou expandindo a sua rede global de investimentos em startups e fundos em regiões de crescimento e fez cerca de 80 novos investimentos durante o período deste relatório. Os fundos do Bertelsmann Investments também realizaram saídas bem-sucedidas. No Brasil, a Bertelsmann adquiriu 100% da Afferolab, fornecedora líder de treinamento corporativo, e o oBertelsman Brazil Investments (BBI) ajudou na OPI da companhia de educação brasileira Afya, que foi concluída com sucesso em julho. No final de 2019, o Bertelsmann Investment detinha cerca de 230 investimentos em companhias jovens e fundos, principalmente por meio de seus quatro fundos internacionais. A Penguin Random House expandiu sua presença na América do Sul ao adquirir a editora Ediciones Salamandra, que opera na Espanha e na América Latina, e comprando a editora educacional Editor Zaher, no Brasil.

A Bertelsmann vai continuar investindo em seus negócios e trabalhando para colocar seus objetivos estratégicos em ação durante o ano. Somos confrontados com uma nova dimensão de competidores com as gigantes de tecnologia dos EUA e, portanto, continuaremos expandindo nossas habilidades tecnologia. Nosso objetivo é se tornar uma companhia líder em mídia, serviços e educação tecnologicamente. A nossa agenda tech é focada primeiramente em dados, Cloud e Inteligência Artificial. Também continuaremos avançando nos tópicos de colaboração e alianças, tanto com parceiros internos quanto externos. O Bertelsmann Content Alliance, no setor de conteúdo da Alemanha, e o Ad Alliance, em vendas de anúncios, são bons exemplos de sucesso que continuaremos a expandir em 2020. Por exemplo, estenderemos o Bertelsmann Content Alliance para os mercados da França e Reino Unido - e depois nos EUA.”

Bernd Hirsch, CFO da Bertelsmann completou: “A Bertelsmann tem uma posição financeira e de liquidez muito sólida. Conseguimos reduzir significativamente a dívida financeira em mais de meio bilhão de euros no ano passado. Continuaremos a desenvolver a companhia estrategicamente por meio dessa base financeira.”

O patrimônio líquido aumentou para € 10,4 bilhões (ano anterior: € 9,8 bilhões). Isso resultou em um índice de patrimônio líquido de 38.2% (ano anterior: 38.8%).

A dívida líquida diminuiu significativamente em cerca de € 570 para € 3,4 bilhões (ano anterior: € 3,9 bilhões). Em contrapartida, as provisões para pensões aumentaram em particular devido à taxa menor de desconto. A maior dívida foi de € 6,5 bilhões, em 31 de dezembro de 2019 2019 (ano anterior: € 6,6 bilhões). O fluxo de caixa livre operacional ajustado foi de € 1,9 bilhão (ano anterior: € 1,8 bilhão). 

No último exercício de 2019, os colaboradores da Bertelsmann irão receber participação nos lucros e bônus no valor de € 96 milhões (ano anterior: € 116 milhões).

A distribuição dos lucros nos certificados de participação no lucros será efetuada de acordo com os termos e condições do certificado de participação nos lucros no primeiro dia útil após Annual General Meeting of Bertelsmann SE & Co KGaA, que deve ocorrer em agosto de 2020. As demonstrações financeiras auditadas do ano de 2019 foram aprovadas pelo Conselho Fiscal em março de 2020.

 

Revisão de pontos importantes:

Itens especiais

Os itens especiais do ano fiscal de 2019 totalizaram - € 154 milhões (ano anterior: - € 296 milhões).

Fluxo de caixa

No coberto pelo relatório, a Bertelsmann gerou caixa líquido de atividades operacionais de € 2,1 bilhões (ano anterior: € 1,4 bilhões). O fluxo de caixa livre operacional ajustado foi € 1,9 bilhões (ano anterior: € 1,8 bilhões) e a taxa de conversão ajustada foi de 97% (ano anterior: 91%).

Ativos totais

Os ativos totais aumentaram para € 27,3 bilhões em 31 de dezembro de 2019, (ano anterior: € 25,3 bilhões). O caixa e seus equivalentes totalizaram € 1,6 bilhões (ano anterior: €1,4 bilhões). O patrimônio líquido aumentou para € 10,4 bilhões (ano anterior € 9,8 bilhões). O índice de patrimônio líquido foi 38,2% (ano anterior: 38,8%).

Investimentos

O total de investimentos, incluindo dívida financeira, caiu para € 1,3 bilhões no ano em análise (ano anterior: € 1,5 bilhão). Como nos anos anteriores, a maioria dos investimentos em ativos, imóvel e equipamento foram feitos pela Arvato. Investimentos em ativos intangíveis são atribulados principalmente para o RTL Group por investimentos em direitos de filmes e à BMG pela aquisição de catálogos de música.

Colaboradores

No fim do ano fiscal de 2019, o Grupo tinha 126,447 funcionários no mundo todo. Em 2019, tinham 1,235 pessoas em posições de trainee nas companhias da Bertelsmann na Alemanha.

Visão geral dos números (em milhões de euros)

 

 20192018
Faturamento do grupo18,02317,673
EBITDA Operacional das divisões
Corporate / Consolidação
EBITDA Operacional das operações continuadas
2,995
(86)
2,909
2,688
(102)
2,586
Itens especiais(154)(296)
Resultado financeiro(309)(216)
Lucro antes de impostos de operações continuadas
Imposto sobre rendimento
Lucro após impostos de operações continuadas
1,516
(426)
1,090
1,404
(301)
1,103
Lucro após impostos de operações descontinuadas11
Resultado do Grupo1,0911,104
   
Total de investimentos (incluindo dívida financeira assumida)1,2761,461
   
 Saldo a partir de
12/31/2019
Saldo a partir de
12/31/2018
Dívida econômica6,5116,619

 

DivisãoFaturamento EBIT Operacional 
(em milhões de euros)2019201820192018
RTL Group
Penguin Random House
Gruner + Jahr
BMG
Arvato
Bertelsmann Printing Group
Bertelsmann Education Group
Bertelsmann Investments*
6,651
3,636
1,355
600
4,175
1,568
333
13
6,505
3,424
1,440
545
4,100
1,639
258
12
1,439
561
157
138
549
68
84
(1)
1,402
528
140
122
377
85
37
(3)
Total das divisiões18,33117,9232,9952,688
Corporate / consolidação(308)(250)(86)(102)
Total do Grupo18,02317,6732,9092,586


*O desenvolvimento de negócios do Bertelsmann Investments é determinado principalmente com base no EBIT. O EBIT atingiu € 107 milhões (ano anterior: € 96 milhões).

 

Sobre a Bertelsmann

A Bertelsmann é uma empresa de mídia, serviços e educação que atua em cerca de 50 países no mundo todo. O conglomerado empresarial compreende o grupo televisivo RTL Group, o grupo de editoras de livros Penguin Random House, a editora de revistas Gruner + Jahr, a empresa de música BMG, a prestadora de serviços Arvato, o Bertelsmann Printing Group, o Bertelsmann Education Group e a rede internacional de fundos Bertelsmann Investments. Com 126 mil colaboradores, a empresa registrou no exercício de 2019 um faturamento de 18 bilhões de euros. A Bertelsmann é sinônimo de espírito empreendedor e criatividade. Tal combinação viabiliza conteúdos de mídia da mais alta qualidade e soluções inovadoras em serviços que encantam clientes em todo o mundo. Até 2030, a Bertelsmann aspira alcançar a neutralidade climática de suas atividades.