Press Release | Gütersloh / Washington, D.C. / São Paulo, 26/04/2018

Bertelsmann fortalece divisão educacional com participação majoritária na brasileira Affero Lab

  • Grupo alemão adquire participação majoritária na Affero Lab, líder em treinamento corporativo no Brasil
  • Acordo marca a primeira participação majoritária da Bertelsmann Investments no Brasil

A Bertelsmann continua expandindo suas atividades educacionais no Brasil. O grupo internacional de mídia, serviços e educação adquiriu as ações dos fundadores remanescentes da empresa de treinamento corporativo Affero Lab, passando a ser seu acionista majoritário. O IFC, membro do Grupo Banco Mundial, e o ALAC, fundo gerenciado pelo IFC Asset Management Company, permanecerão como acionistas minoritários. Os parceiros concordaram em não divulgar os detalhes financeiros do negócio.

A Affero Lab é líder no setor de treinamento corporativo do Brasil. Oferece soluções digitais para aprendizado, bem como de treinamento presencial e blended para empresas. Cerca de 500 mil pessoas usam seus serviços todos os anos. A empresa emprega aproximadamente 450 pessoas, principalmente em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Em 2015, a Bertelsmann já havia adquirido cerca de 40% das ações da Affero Lab. “A educação é um setor onde queremos crescer na Bertelsmann. O Brasil, além da China e da Índia, é um mercado no qual estamos fortalecendo nossa presença gradualmente. Portanto, a aquisição da participação majoritária na Affero Lab se encaixa muito bem à estratégia do Grupo. Essa transação é um exemplo de como podemos avançar em nossos outros 160 investimentos aproximadamente”, afirmou Shobhna Mohn, Executive Vice President Growth Regions Strategy and Bertelsmann Investments. “Nossos fundos no Brasil, China, Índia e América do Norte continuam a contribuir de forma importante para ampliar nossa presença nessas regiões”.

Para Marc Puškarić, diretor geral da Bertelsmann no Brasil, “há uma alta demanda por treinamento corporativo no país à medida que a economia se recupera após uma forte crise”, afirmou. “Estou feliz que adquirimos a participação majoritária na Affero Lab. A companhia atua em treinamento corporativo e educação digital há mais de 20 anos e a Bertelsmann tem um compromisso de longo prazo com o Brasil, portanto, vamos continuar investindo no crescimento da Affero Lab e na educação no país”, completou Puškarić.

“Em 2015, foi uma grande conquista dividir nossos sonhos com um dos maiores grupos de mídia do mundo e com o maior investidor global privado de educação e saúde”, afirmou Alexandre Santille, CEO da Affero Lab. “Esse é um movimento extremamente positivo para todos nós. Agora somos parte de uma empresa que atua em cerca de 50 países no mundo, com negócios em diversos segmentos e que sempre apostou na criatividade e no espírito empreendedor”, finalizou Santille.

A Bertelsmann tem investido em diversas atividades educacionais desde a abertura de seu Centro Corporativo no Brasil em 2012. Junto à empresa Bozano Investimentos, o Grupo está se concentrando no desenvolvimento de uma rede de ensino superior no setor de saúde do Brasil por meio do fundo “Bozano Educacional 2” e nas empresas Ed-Tech através do fundo “BR Education Ventures”. A plataforma de treinamento Udacity, na qual a Bertelsmann possui uma participação estratégica, também atua no Brasil.

Além disso, diversas divisões da Bertelsmann têm operações no Brasil: a Fremantle Media (RTL Group) tem uma crescente presença local, suas atividades incluem a produção de edições brasileiras de Ídolos” (“Idols”) e “Mega Senha” (“Password”). A editora brasileira Companhia das Letras é parte da Penguin Random House. A empresa de música BMG atua no Brasil desde 2016. A Arvato oferece um amplo portfólio de serviços; incluindo a brasileira Intervalor. A Bertelsmann também atua no Brasil por meio de vários fundos de capital de risco e investimentos diretos.

Sobre a Bertelsmann

A Bertelsmann é uma empresa de mídia, serviços e educação que opera em cerca de 50 países em todo o mundo. Inclui a emissora RTL Group, a editora de livros comerciais Penguin Random House, a editora de revistas Gruner + Jahr, a gravadora BMG, a provedora de serviços Arvato, o Bertelsmann Printing Group, o Bertelsmann Education Group e o Bertelsmann Investments, rede internacional de fundos. A empresa possui 119.000 funcionários e gerou receitas de € 17,2 bilhões no ano financeiro de 2017. A Bertelsmann representa empreendedorismo e criatividade. Essa combinação promove conteúdo de mídia, serviços e educação de primeira linha e soluções inovadoras que inspiram clientes em todo o mundo. 

Bertelsmann no Brasil

Quase todas as divisões da Bertelsmann atuam no país. A subsidiária do RTL Group, Fremantle Media Brasil, vem trabalhando com as principais emissoras na produção de formatos como o X Factor para a televisão brasileira. A Penguin Random House possui participação em um dos maiores grupos editoriais do Brasil, a Companhia das Letras. A Bertelsmann Music Group (BMG) passou a gerenciar direitos musicais no país através da abertura de sua filial em julho de 2016. A Arvato que, além de disponibilizar um portfólio de serviços relacionados à gestão da cadeia de suprimentos, expandiu seus negócios de serviços financeiros no Brasil após adquirir participação no fornecedor de serviços financeiros Intervalor. O Bertelsmann Educational Group, através da empresa de tecnologia e educação Udacity, e o Bertelsmann Brazil Investments (BBI), através da Affero Lab, líder de mercado em educação corporativa no país.