Press Release | Gütersloh, 12/05/2017

Bertelsmann aumenta lucro do Grupo de 7 por cento a quase 200 milhões de euros no primeiro trimestre de 2017

 

  • Receitas permaneceram estáveis em 3,94 bilhões de euros ao longo do ano fiscal
  • Aumento significativo na receita de negócios digitais
  • Apesar das perdas de startups, EBITDA operacional continuou alto, em 482 milhões de euros
  • Lucro aumentou em 198 milhões de euros
  • Avanços estratégicos em todas as divisões

A Bertelsmann começou 2017 com uma margem de lucro mais elevada. As receitas da empresa internacional de mídia, serviços e educação mantiveram-se estáveis em 3,94 bilhões nos três primeiros meses do ano que, em 2016, foi de 3,95 bilhões. O EBITDA operacional continuou elevado: no ano passado o resultado foi de 500 milhões de euros e, em 2017, de 482 milhões de euros. A margem EBITDA alcançou 12,2%. O período do relatório foi submetido a uma comparação com o primeiro trimestre do ano passado que, ao contrário deste ano, contemplava a Páscoa, período intensivo de vendas e publicidade. O Grupo RTL deve que lidar com a perda de renda causada pela suspensão do programa “American Idol”, nos Estados Unidos. Além disso, as perdas em startups para negócios digitais e novos negócios foram avaliadas por clientes da subsidiária Arvato Services. O lucro líquido do Grupo aumentou para 198 milhões de euros. Em 2016, o resultado obtido foi de 185 milhões de euros, representando um aumento de 7% em relação ao ano anterior.

“Tivemos um início de ano muito bem sucedido, com o segundo maior resultado operacional da Bertelsmann e um lucro elevado”, comentou Thomas Rabe, presidente e CEO da companhia. “Isso mostra que estamos no caminho certo com a implementação de nossa estratégia e da nova estrutura corporativa. Estamos confiantes de que vamos alcançar nossos objetivos em 2017”, completa o executivo.

A Bertelsmann fez uma série de avanços estratégicos nos últimos meses. Por exemplo, a Mediengruppe RTL Deutschland aumentou sua liderança sobre o maior concorrente comercial em termos de mercado de espectadores. O Grupo M6 também aumentou seu índice de audiência na França. As receitas digitais do primeiro trimestre do Grupo RTL subiram 48 por cento, atingindo 178 milhões de euros. Nos Estados Unidos, a série "American Gods" foi um sucesso para a FremantleMedia. A Penguin Random House registrou um desempenho digno de bestseller e, em fevereiro, a editora adquiriu o direito de publicação mundial dos livros de Barack e Michelle Obama. Gruner + Jahr registrou um aumento de 38 por cento nas receitas digitais na Alemanha, em 43 milhões de euros. A divisão de música BMG teve um crescimento de dois dígitos com a aquisição da BBR Music Group, sua maior aquisição no setor de gravações desde seu lançamento em 2008. Em maio, quatro artistas da BMG chegaram ao número um nas paradas da França, Alemanha, Itália e Suécia em um período de sete dias.

A Arvato expandiu ainda mais suas atividades de logística internacional. A subsidiária de serviços também comprou uma participação na startup FinTech Solaris Bank e assumiu a empresa indiana de análise de TI Ramyam. O Bertelsmann Printing Group beneficiou de uma boa utilização da capacidade instalada em suas instalações de produção e a Mohn Media colocou em funcionamento uma nova impressora rotativa, em Gütersloh, no início de maio.

O Bertelsmann Education Group registrou crescimento na receita em dois dígitos. Entre outras atividades, o provedor de educação online Relias Learning anunciou a aquisição da empresa de e-learning Advanced Practice Strategies.

A Bertelsmann voltou a expandir as suas participações em empresas internacionais através do             

Bertelsmann Investments. Entre outras atividades, a Bertelsmann Asia Investments (BAI), na China, aumentou sua participação no aplicativo de compartilhamento de bicicletas Mobike e a Bertelsmann India Investments (BII) adquiriu uma participação no provedor educacional Eruditus.

"A Bertelsmann está em uma posição financeira sólida: o nosso patrimônio aumentou para mais de dez bilhões de euros. Para 2017, mantemos o nosso objetivo de receitas mais elevadas, continuar com uma alta rentabilidade operacional e lucro de mais de um bilhão de euros", disse o CFO Bernd Hirsch.