Press Release | Gütersloh, 17/05/2018

Bertelsmann acelera crescimento no primeiro trimestre de 2018

  • Receitas sobem para € 3,99 bilhões
  • Crescimento orgânico sobe para 2,7%
  • Empresas de rápido crescimento mostram aumento orgânico de receita de 7,9%
  • EBITDA operacional acima dos efeitos negativos da taxa de câmbio em relação ao ano anterior
  • Lucro do grupo avaliado em € 172 milhões
  • Progresso estratégico em todas as divisões corporativas
  • Confirmada as previsões para o ano inteiro

A Bertelsmann intensificou seu crescimento no primeiro trimestre do ano. Impulsionada pelo desenvolvimento positivo de seus negócios digitais e de crescimento potencial, a empresa registrou aumento de receita apesar dos altos efeitos negativos da taxa de câmbio - em particular devido ao enfraquecimento do dólar americano. O crescimento orgânico da empresa internacional de mídia, serviços e educação subiu para 2,7%.

A receita do grupo aumentou 1,3% para € 3,99 bilhões (ano anterior: € 3,94 bilhões), o maior rendimento do primeiro trimestre em dez anos. Os efeitos da taxa de câmbio tiveram um impacto negativo de € 145 milhões; a Bertelsmann gerou cerca de 20% de suas receitas nos Estados Unidos. As empresas de crescimento potencial do Grupo obtiveram um aumento orgânico de receita de 7,9% e geraram 32% da receita total. Um crescimento especialmente forte foi alcançado na subsidiária de música BMG (17% de crescimento orgânico), Arvato (6%) e Grupo Educacional Bertelsmann (21%).

O EBITDA operacional foi de € 473 milhões (ano anterior: € 482 milhões). Ajustado pelos efeitos da taxa de câmbio, o lucro operacional superou o valor do ano anterior em € 8 milhões. As perdas no clube de futebol francês Girondins de Bordeaux - uma subsidiária do Grupo M6 - aumentaram 11 milhões de euros em relação ao ano anterior. Tanto a Arvato quanto o Grupo Educacional Bertelsmann registraram aumento nos lucros. A margem EBITDA foi de 11,8% (ano anterior: 12,2%).

Com € 172 milhões (ano anterior: € 198 milhões), o lucro do Grupo Bertelsmann estava em um nível alto. O declínio em comparação com o período anterior é atribuído principalmente a itens especiais negativos e efeitos cambiais. As atividades do fundo reunidas na divisão de Investimentos da Bertelsmann mais uma vez contribuíram positivamente para os resultados. O rendimento financeiro e o rendimento fiscal do Grupo melhoraram ano após ano.

Thomas Rabe, Presidente e CEO da Bertelsmann, afirma: “A Bertelsmann está crescendo mais rapidamente sob sua própria força do que há muito tempo. A expansão estratégica dos nossos negócios de crescimento potencial está se tornando cada vez mais notável. Eles agora respondem por cerca de um terço das receitas do nosso Grupo. Estamos cada vez mais focados no crescimento orgânico e investindo pesadamente nos nossos negócios. Nos primeiros meses deste ano, continuamos trabalhando para tornar a Bertelsmann uma empresa de crescimento mais rápido, mais digital, mais internacional e mais diversificada. Fizemos um bom começo para 2018 e estamos confiantes de que alcançaremos nossas metas para o ano todo”.

A Bertelsmann fez uma série de avanços estratégicos nos últimos meses: o RTL \Group aumentou suas receitas de publicidade televisiva em seus principais mercados da Alemanha, França e Holanda durante o período relatado. As receitas digitais do grupo aumentaram para € 190 milhões no primeiro trimestre (ano anterior: € 178 milhões).

A Penguin Random House apresentou um forte desempenho de best-sellers e adquiriu, em janeiro, a marca norte americana de não-ficção, Rodale Books. O grupo editorial anunciou que as memórias da ex-primeira-dama dos EUA, Michelle Obama, serão publicadas simultaneamente em 24 idiomas no dia 13 de novembro de 2018.

Os negócios digitais da Gruner + Jahr mais uma vez registraram aumento nos seus principais mercados da Alemanha e da França. A marca também lançou novas revistas, incluindo “JWD” e “Dr. v. Hirschhausen's Stern Gesund Leben.”

Em abril, a BMG adquiriu a produtora de música australiana Big Bang&Fuzz e assinou um contrato exclusivo de publicação mundial com o ex-baterista dos Beatles, Ringo Starr.

A divisão de serviços da Bertelsmann, a Arvato, renovou contratos com clientes-chave - incluindo a Daimler e o Facebook - e expandiu ainda mais suas atividades de logística e serviços financeiros. Por exemplo, a Arvato adquiriu uma participação na startup de fintech israelense, Secured Touch. A Bertelsmann anunciou que iria rever as opções estratégicas para o desenvolvimento de suas atividades de CRM fora dos territórios de língua francesa.

O Bertelsmann Printing Group renovou vários contratos de impressão, inclusive para a revista de notícias "Der Spiegel".

A subsidiária de e-learning da Bertelsmann, Relias, registrou crescimento orgânico de dois dígitos e expandiu sua base de clientes para mais de 8.300 instituições. O Bertelsmann Education Group adquiriu uma participação majoritária no provedor de serviços universitários dos Estados Unidos, HotChalk. Além disso, a plataforma de treinamento corporativo Udacity, na qual a Bertelsmann possui uma participação, lançou novos nanodegrees, inclusive no campo da inteligência artificial.

A Bertelsmann ainda investiu em empresas inovadoras através de seus fundos internacionais. Por exemplo, a Bertelsmann Asia Investments (BAI) investiu em empresas como a provedora chinesa de serviços de compartilhamento de carros, Dadao, e participou de uma nova rodada de financiamento para a plataforma de e-commerce Club Factory. Em abril, a Bertelsmann Brazil Investments (BBI) tornou-se acionista majoritária da Affero Lab no Brasil.

Bernd Hirsch, diretor financeiro da Bertelsmann, disse: “Dada nossa sólida posição financeira, estamos otimistas para o restante do ano. Assim como antes, esperamos receitas mais altas e esperamos continuar com a grande lucratividade operacional em 2018. Nosso lucro líquido deve, mais uma vez, ultrapassar um bilhão de euros”.

Principais Finanças (em milhões de €)

 

 Jan 1, 2018 -
Mar 31, 2018
Jan 1, 2017-
Mar 31, 2017
Receitas do grupo (operações contínuas)3,9923,940
Divisões do EBITDA Operacional
Corporativo / Consolidação
EBITDA Operacional
494
(21)
473
505
(23)
482
Ítens especiais(15)3
Resultado financeiro(48)(50)
Lucro antes de impostos de operações contínuas253283
Imposto de renda(81)(84)
Lucro após impostos de operações contínuas172199
Lucro após impostos de operações descontinuadas-(1)
Lucro do grupo172198
 
Investimentos (incluindo dívida financeira assumida)

 
271
 
365
 Saldo a partir de
31 Mar 2018
Saldo a partir de
31 Dec 2017
Dívida econômica6,2606,213